12 maio

Como a computação na nuvem mudou a vida do analista de TI?

De sysadmin ao DevOps: Como evoluir com o mercado

Reconhecido pelos conhecimentos avançados em tecnologia, e pelo copo de café na mão, o profissional de TI vem tendo que se adaptar ao longo dos anos às diversas mudanças que têm ocorrido no cenário da computação.

Não é de hoje que este profissional enfrenta uma corrida intrépida contra a evolução tecnológica a fim de se manter atualizado e competitivo no mercado de trabalho. Porém, tal feito nunca teve tanta ênfase quanto atualmente, principalmente com a inerente evolução da cloud computing.

Em tempos anteriores, o profissional de TI precisava se manter informado a respeito, principalmente, de novos dispositivos lançados e novos sistemas operacionais. De algum tempo pra cá, a tecnologia Mobile entrou também em cena, o que quase extinguiu o profissional que não se adaptou a esse novo mercado, porém, atualmente, o tema Computação na Nuvem tem sido o maior novo desafio na vida deste tipo de profissional.

As vantagens da Cloud Computing para o cliente

A cloud computing tem como principal característica a maleabilidade, disponibilidade e ausência de recurso físico para o usuário, o que a torna extremamente competitiva e barata, porém, traz ao analista, uma certa sensação de desconforto, pois a automação, na maioria das vezes, reduz a necessidade de mão de obra, o que faz com que muitos profissionais temam por seus empregos e assim insistem em remar ‘contra a maré’ da migração para a “nuvem”.

O fato verdadeiro é que o bom profissional encontra na Cloud Computing não uma rival, e sim uma aliada, mas para este processo é necessário entender como a Cloud Computing funciona.

A maleabilidade da computação na nuvem faz com que se adapte a qualquer meio de trabalho, não ficando restrita apenas às empresas de tecnologia da informação e afins, mas sim a todos os meios, de comércio à industria, de produção à entrega, de serviços ao consumidor ao pós venda e portanto ficando impossível ao, antes, ‘sysadmin’ conhecer todas as etapas de todos os fins nos quais ela é empregada.

Qual o papel atual, então, do administrador de sistemas e dos desenvolvedores?

DevOps: O conceito que representa este novo perfil de profissional que integra o desenvolvedor de tecnologias e o operador de sistemas.

A função do profissional de ti na cloud computing é ser o fator humano, agora, mais do que nunca, o profissional do meio não pode mais ser apenas eficiente, hoje, é necessário ser: ‘Humano’!

Por seu enorme envolvimento, como já citado, em todas as fatias de mercado a computação na nuvem e a virtualização de serviços precisa definitivamente de material humano. Humano o suficiente para saber como e quando virtualizar um serviço. Humano o suficiente para saber o que o usuário precisa e não apenas o que ele quer. Humano o suficiente para saber que agora não é necessário saber como fazer, é necessário apenas, quem faça, pois a nuvem está pronta e é “self-service”, basta montar o pacote e entregar ao cliente, cobrando é claro, a comissão do analista.

Saber o que o cliente pode virtualizar é saber como ajudá-lo. 

Hoje não basta fazer manutenção em servidores, pois com as variações estapafúrdias do Dólar, tem sido inviável à maioria das empresas manter parques de tecnologia em suas dependências. É mais fácil pagar ao profissional de TI o suporte para implantação em mantimento de um serviço virtualizado do que pagar o profissional, o hardware, a energia elétrica para o hardware, o treinamento para que o profissional conheça o tipo de serviço que a empresa presta, a segurança dos equipamentos e da informação e por aí vai…

Por fim, fica claro, o profissional que compreende o que é DevOps deve agradecer à cloud computing por ser mais fácil do que nunca, ser um analista/técnico/desenvolvedor.

Aos que não querem mudar, mais cedo ou mais tarde precisarão se adaptar, pois seria como alguém, hoje em dia, querer começar na tecnologia da informação consertando maquinas de escrever. Ainda existem profissionais assim? -Sim! Mas cada vez menos e menos remunerados enquanto a “Nuvem” só cresce!

André Odriosolla Gomes
Technical Specialist
DevOpers

Share this

Leave a reply